14 de maio de 2007

A Maré é formado por 16 comunidades – cada uma com sua própria particularidade o que a torna ainda mais interessante e diversificada culturalmente.

Conheça um pouco sobre cada uma destas comunidades.

Morro do Timbau (1940)

A história do morro que deu origem ao bairro Maré se confunde com a de Orosina Vieira (considerada sua primeira moradora), que chegou ao local em meados da década de 40 – quando a Av. Brasil estava em construção. O nome Timbau vem do tupi-guarani "thybau", "entre as águas". Toda a região onde hoje existem as comunidades que formam o bairro Maré ficava num grande terreno pantanoso – O Timbau era uma das únicas localidades em terra firme.A ocupação da Maré começou com a chegada de Dona Orosina Vieira à ponta do Timbau ainda nos anos 40. Ela se apaixonou pelo lugar num passeio de fim de semana e, contrariando o próprio marido, construiu ali o primeiro barraco de toda região. Dona Orosina levantou a casa usando a madeira que a maré trazia da Baía de Guanabara. Ela morou no Timbau durante toda a vida e acabou se transformando num dos personagens mais representativos da história da comunidade. Chegou a ser recebida pelo presidente Getúlio Vargas no Palácio do Catete quando o governo federal cogitou destruir a favela e remover seus moradores. A primeira Associação de Moradores da Maré foi criada no Morro do Timbau em 1954 - foi também a terceira em todo o Rio de Janeiro.

Atualmente o Morro do Timbau tem mais de 2.700 domicílios e uma população de aproximadamente 6 mil habitantes. (números do censo maré de 2000)

Saiba mais sobre o censo maré 2000 na pagina virtual do CEASM www.ceasm.org.br

1 comentários:

pow as fotos ficaram maneiras principalmente as da visão panoramica da comunidade.
forte abraço e é bom sabe que existe pessoas como vc que se compromete em demostrar para todos a cultura do lugar onde vivemos!!!
fica com DEUS e se cuida....

Estão por aqui