30 de dezembro de 2009

Resumo de 2009 do blog O Cotidiano




Antes de começar uma breve explicacão, em todas as imagens há um link para galeria de fotos, é só clicar na imagem para ver mais imagem relacionadas ao tema.

Fotografia, poesia e desabafos é a crônica que marca o meu cotidiano atingido pelo que tem de pior da força destrutiva do poder. Em meio a todo esse clima de resumos do que fizemos resolvi contar quantos foram os post em 2009 no blog o Cotidiano. Se não errei a contagem deu ao todo 85 em todo o ano. E então de forma resumida trago aqui neste último post do ano os posts que considerei mais marcante.


Começando o ano após o carnaval e a realização dos dois tradicionais desfile do bloco Se Benze que Dá  postei aqui a poesia O bloco.


Seguindo os fatos no mês de abril Felipe, um jovem de 17 anos foi morto na porta de sua casa na comunidade Baixa do Sapateiro, mais uma vítima da atuação da polícia nas favelas. No dia da sua morte ocorreram manifestações espontâneas na comunidade e log estas foram reprimidas. No dia seguinte no enterro mais manifestações e mais repressão. Uma semana após sua morte familiares, amigos e grupos de Direitos Humanos articularam uma manifestação que parou por alguns minutos a avenida Brasil e ruas de duas comunidade da Maré, morro do Timbau e Baixa do Sapateiro.

 Ao mesmo tempo a cidade vivia a polêmica dos muros nas favelas e por conta disso publiquei o artigo Os muros que circundam as favelas, falando sobre os muros invisívei  que cercam as  favelas e este foi o post mais lido e comentado de 2009. Continuando sobre os muros teve o plebiscito feito por moradores da Rocinha a respeito do muro,. O resultado: os moradores não concordavam com o projeto.

Também postei aqui fotos da conferência livre de segurança publica ocorrida na Maré este ano. Mas a vida da Maré não é só coisas serias ou tristezas, registrei a festa julina que ocorre todo ano na rua Oliveira na comunidade Baixa do Sapateiro sobre o comando de Piquete e em seguida Carlinhos de Jesus grava o quadro Arte pra vida na comunidade de Nova Holanda. Também registrei o encontro de poetas populares (literatura de Cordel) em Santa Teresa.



Na seqüência publiquei uma foto de seu Joaquim um dos mais antigos moradores da comunidade Nova Holanda, só o fato dele ser um dos mais antigos moradores já daria uma grande pauta, mas ele é mais que isso, é uma fonte inesgotável de saber.


No reino decadente da comunicação


Jornal o Globo realiza a serie Democracia nas Favelas. Segundo o jornal a Democracia brasileira chega as favelas carioca em 2009 com mais de 20 anos de atraso, mas o curioso é que esta chega através das UPPs.


Agressões da Globo e Record, revela mais uma vez a capacidade das empresas privadas de comunicacões transformarem assuntos privados em assunto de interesse público me fiz a seguinte pergunta: Ética profissional ou empresarial?  fui ao you tube e achei rapidamente a resposta em dois vídeos de matérias do mesmo jornalisnta. Qual é de fato a ética dos jornalistas?


Memória
      
No mês de agosto comecei a postar aqui alguns vídeos antigos que contam um pouco da história da comunidade da Maré.









No mês de agosto a Maré estava mergulhada numa guerra entre facões criminosas, onde morreram mais de 80 pessoas. Então postei aqui Guerra e poesia. Colaboracao de Jean Maciel, um blogueiro aqui da Maré.




No dia 7 de setembro registrei o 15º Grito dos Excluídos, neste dia os movimentos sociais se encontram para gritarem seus direitos.



No dia 20 de setembro a Maré parou para a realização de um Ato publico contra a violência que já durava mais de 4 meses. Os moradores foram para as ruas pedir um basta. Bom acho que não precisa dizer que a imprensa aqui não veio então tivemos que nós mesmo fazer a cobertura.


Ainda em setembro fui ao morro do Urubu registrar a iniciativa de um grupo de mulheres da associação de moradores que combate as doenças DST e AIDS, através de uma iniciativa chamada de Camelô educativo.


Em outubro ocorre o caso do helicóptero no morro dos Macacos, a imprensa bombardeia a sociedade com suas matérias sensacionalista e interesseira e então a cidade passa por um momento crítico de paranóia  coletiva.


No final de outubro ocorre a CONECOM-RJ (Conferencia estadual de comunicação)



No mês de novembro, registrei a peça de teatro Coisas do gênero do teatro do Oprimido. O time mais antigo da Maré, o Passa a Régua comemora seu 30 anos de existência e mais um post sobre os muros pelo mundo, enviado por uma amiga blogueira do Piauí, mais Choque de ordem na cidade 
 do Rio.

                                                            Dezembro




Para fechar o ano postei aqui imagens do nordeste brasileiro feitas entre os dias 27 de novembro e 4 de dezembro, no dia 10 se comemorou os 61 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos em seguida a ONG justiça global comemorou  seus 10 anos de existência. Por fim antes que o blog entrasse em recesso para ser repaginado e receber o domínio (br) postei sobre o projeto Avenida Brasil digital.


Este é o resumo do blog O Cotidiano em 2009

0 comentários:

Estão por aqui